• iCS - Clima e Sociedade

Povos indígenas do Xingu reduzem queimadas

Esforço faz parte de estratégia de enfrentamento às mudanças climáticas, que começam a afetar seus territórios, e tem apoio do ISA


O fogo que devastou boa parte da Amazônia em 2019 não chegou à terra dos Ikpeng, no Médio Xingu, Mato Grosso. Graças ao apoio do Instituto Socioambiental (ISA), as comunidades fazem parte do projeto “Manejo do Fogo”, que trabalha com o tema junto aos povos do Médio, Baixo e Alto Xingu. Os esforços se intensificaram em 2015, com aporte do Fundo Nacional sobre Mudanças do Clima, mas vêm desde 2010, quando os indígenas começaram a adaptar suas práticas tradicionais e tomaram medidas para prevenir que o fogo (sempre utilizado no território do Xingu para plantio, no manejo de roças e outras atividades, como coleta de materiais para construção de casas) não crie incêndios florestais. “Hoje a gente tá tomando muito cuidado com o uso do fogo. Porque estava trazendo muito prejuízo, destruindo nossos recursos naturais”, diz Antenu Ikpeng, brigadista do PrevFogo, em matéria publicada por Clara Roman, do ISA, no Medium. “A floresta é nosso mercado”, finaliza. Confira o texto completo!



Crédito: Manoela Meyer / ISA

iCS - Instituto Clima e Sociedade 2020 | Todos os direitos reservados

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • LinkedIn ícone social