• iCS - Clima e Sociedade

Andar a pé eu vou: caminhos para a defesa da causa no Brasil

Por Marcel Martin


Incentivar ações no campo para promoção do andar a pé, visando uma mobilidade carbono neutro e com crescimento econômico e justiça social, é uma das missões do Instituto Clima e Sociedade (iCS), que tem apoiado o projeto Como Anda desde 2016. O iCS considera o caminhar peça fundamental em seu portfólio de transportes, por se tratar do meio básico de deslocamento que é comum a toda a população.


O projeto Como Anda já havia sistematizado instituições e iniciativas engajadas com a mobilidade a pé, no ciclo de renovação do contrato de doação para o horizonte 2019/2020, foi proposto que se repensasse a atuação da iniciativa a partir dos potenciais já desenvolvidos ao longo dos anos, fazendo-se valer de todo o conhecimento técnico acumulado pelo projeto e por sua rede. Esta publicação é fruto dos esforços de redirecionamento empreendidos. Mais do que uma compilação de experiências e um roteiro para ações de incidência política, a publicação traz consigo uma rede de instituições que milita para que o caminhar seja valorizado e tenha o devido reconhecimento.

Desde que a Política Nacional de Mobilidade Urbana foi aprovada em 2012, tornou-se claro que a mobilidade a pé deve ser priorizada em relação aos demais modos de transporte. É sabido que caminhar, muitas vezes, não é suficiente para cumprir uma viagem inteira, mas sem dúvida é uma parte importante desse deslocamento. Repensar hábitos e exigir que o poder público dê o devido tratamento para a mobilidade a pé é fundamental para que tenhamos cidades mais dinâmicas e sustentáveis.


Este documento dá mais um passo importante neste sentido, agregando experiências e incentivando a militância na promoção da mobilidade a pé como um ato contínuo que deve ser intensificado em janelas de oportunidade - por exemplo, engajando candidatos em eleições e fortalecendo ações de grupos, movimentos e organizações da sociedade civil.


Faça o download aqui!


Este texto foi originalmente foi extraído da apresentação do estudo


iCS - Instituto Clima e Sociedade 2020 | Todos os direitos reservados

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • LinkedIn ícone social