• iCS - Clima e Sociedade

Poluição no Velho Normal

Reportagem da Folha mostra que a concentração de poluentes como monóxido de carbono e óxidos de nitrogênio está voltando aos índices pré-pandemia


A pandemia do novo coronavírus ainda está, infelizmente, distante de acabar. Mesmo assim, o “velho normal” dá sinais de que deseja um retorno, pelo menos no que diz respeito à poluição. Dados inéditos da Cetesb (Companhia Ambiental de SP) mostraram que, no fim de março, quando a quarentena começou e o fluxo de veículos caiu drasticamente, as concentrações de monóxido de carbono e óxidos de nitrogênio na atmosfera reduziram bastante em relação ao mesmo período do ano anterior: 45% e 50%, respectivamente. No segundo semestre, no entanto, o relaxamento das restrições veio acompanhado do aumento das emissões. Em alguns momentos, os índices de concentração destes poluentes chegaram a ser superiores aos do mesmo período em 2019. Em matéria da Folha que traz essas informações, Marcel Martin, coordenador do portfólio de Transporte do iCS, afirma que a eletrificação dos ônibus é uma das saídas de curto prazo, além de investimentos em infraestrutura de corredores de ônibus e, principalmente, em transporte sobre trilhos, que apresentam emissão zero e alta capacidade de levar passageiros.