• iCS - Clima e Sociedade

Planejamento estratégico do iCS para 2021-22

Nos últimos meses de 2020, iCS esteve muito dedicado ao planejamento dos seus próximos dois anos. O plano foi apresentado ao conselho e aprovado em dezembro.


O iCS começa este biênio organizado em seis portfólios: 3 setoriais e 3 temáticos:

Portanto, a primeira novidade é que o trabalho em Direito e Clima, iniciado em 2019 como um programa dentro do Portfólio de Política Climática, ganha um novo status em 2021, passando a ser um portfólio. Caio Borges passa, portanto, a ser um Coordenador de Portfólio.


A organização interna do iCS também irá mudar, com a chegada, em breve, do novo diretor programático, Leonardo Lacerda. Como já divulgado, Leonardo começará no iCS no segundo trimestre, trazendo grande experiência tanto de filantropia como de mudanças climáticas.


Vale ainda mencionar que nosso planejamento estratégico prevê uma atuação muito mais integrada dos vários portfólios, tendo inclusive estabelecido objetivos transversais, para os quais vários portfólios irão contribuir. São eles:


· Garantir uma revisão abrangente da sociedade civil da NDC do Brasil para a COP 26.

· Propostas de recuperação verde serem incluídas na reforma tributária e orçamentária.

· Garantir a implementação de políticas subnacionais que reduzam as emissões de carbono.

· Garantir que a Amazônia esteja no centro das eleições de 2022 e que os atores locais estejam liderando as propostas de desenvolvimento sustentável da região.


O plano de 2021-22 prevê ainda um crescimento no tamanho da equipe e nova estrutura de organograma. Informaremos à medida em que as vagas forem sendo abertas e preenchidas!

iCS - Instituto Clima e Sociedade 2020 | Todos os direitos reservados