• iCS - Clima e Sociedade

Marco Regulatório da Mobilidade a Pé

Atualizado: 12 de Set de 2019

O projeto Como Anda, ponto de encontro das organizações que promovem mobilidade a pé no Brasil, tem como um dos principais objetivos de sua terceira fase (2019/2020) contribuir para o fortalecimento das instituições que atuam com advocacy/incidência política nas Eleições Municipais de 2020. Um dos caminhos é o Marco Regulatório da Mobilidade a Pé, nova ferramenta do projeto que mapeia todas as leis, decretos, normas e demais documentos responsáveis por regulamentar aspectos da rede de mobilidade a pé com informações de nove cidades brasileiras: São Paulo (SP), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Recife (PE), Brasília (DF), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Goiânia (GO) e Porto Alegre (RS).

A intenção é mostrar que a prioridade ao pedestre está sempre presente nos princípios, diretrizes e objetivos das leis – mesmo assim, os dispositivos que efetivamente trazem resultados práticos para qualificar a rede de mobilidade a pé brasileira, usada por 2/3 da população diariamente, são escassos. Veja e consulte, e também confira o texto completo do Como Anda sobre o tema aqui.



Acompanhe a divulgação dos textos da série sobre os marcos regulatórios da mobilidade a pé (texto01; texto02; texto03; texto04).

iCS - Instituto Clima e Sociedade 2020 | Todos os direitos reservados

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • LinkedIn ícone social